Tradução de Vasco Gato

 

Posfácio de Carlos Vidal

 

236 páginas

 

Ao longo dos anos, a crítica de Hal Foster tem servido de inspiração a um pós-modernismo de resistência com teor político. Este livro põe em acentuado relevo os alvos dessa resistência. Foster defende que o design — insuflado pelas forças capitalistas no sentido de influenciar tudo, das revistas à medicina — alimenta uma sociedade de consumismo insaciável, simultaneamente limitadora e desterritorializadora, narcisista e oca. Com uma precisão polémica, os seus ensaios visam os arquitectos de renome Frank Gehry e Rem Koolhaas no âmbito da ascensão da arquitectura-espectáculo e da cidade global, escavando, na segunda metade do livro, os terrenos contestados da história da arte, do museu, da crítica de arte e do pretenso fim da arte. O resultado assinala um novo caminho possível para a arte do século XXI.

 

«Foster acerta em cheio [...] é exactamente o tipo de livro que o mundo do design deveria querer.» — Bookforum

 

«Design e Crime é frio, ponderado e firme, tal qual um duelo de cowboys [...] o que me incomoda no livro de Hal Foster é o facto de dar por mim a mudar de opinião por sua causa.» — Greil Marcus

 

Hal Foster é professor de Arte e Filosofia na Universidade de Princeton. Co-director da revista October, é o organizador de The Anti-Aesthetic: Essays on Postmodern Culture e o autor de The Return of the Real e Compulsive Beauty.

Hal Foster, Design e Crime (E Outras Diatribes)

19,00 € Preço normal
17,10 €Preço promocional
    VS EDITOR

     Contacte-nos

    • Preto Ícone Facebook
    0